LACEN implanta novo exame para diagnosticar febre amarela e resultados sairão mais rápidos

O LACEN (Laboratório Central de Saúde Pública) de Mato Grosso do Sul começou a disponibilizar uma nova metodologia para o diagnóstico da febre amarela. Além da sorologia (MAC- ELISA), já usada pelo Laboratório, as amostras de sangue agora serão analisadas pela técnica de biologia molecular (PCR). Conforme o diretor-geral do LACEN, Luiz Henrique Ferraz Demarchi,

Continue lendo…